Bolsonaro participa do ato de assinatura de concessão da Fiol em Tanhaçu

0
33

Em sua passagem pelo município de Tanhaçu, o presidente da república, Jair Messias Bolsonaro assinou a ordem de serviço que autoriza a retomada das obras da Fiol 1. O presidente foi recepcionado pelo público trajado de verde e amarelo, com a bandeira do Brasil.

 

TANHAÇU – Nesta sexta-feira (3), o presidente da República Jair Bolsonaro participou da cerimônia de assinatura da concessão da Ferrovia de Integração Oeste-Leste (Fiol), no município de Tanhaçu, localizado na região Sudoeste da Bahia.

O contrato foi assinado com a empresa Bahia Mineração (Bamin) e terá duração de 35 anos. De acordo com a Agência Brasil, antes do evento, Bolsonaro, acompanhado do ministro da Infraestrutura, Tarcísio Freitas e demais autoridades visitaram as obras da ferrovia.

 

Na oportunidade, o presidente parabenizou o ministro Tarcísio Freitas e seus ministros pelo trabalho desenvolvido na captação de mais investimentos para o país. “Essas pessoas para poderem trabalhar eu dei a total liberdade, porque acredito na responsabilidade de cada um deles. A iniciativa privada, que é aquela que realmente leva o país pra frente, vem atrás de nós porque tem confiança naquilo que fazemos”, disse.

O contrato assinado nesta sexta-feira é referente ao trecho da Fiol 1, com 537 quilômetros de extensão a estrada de linha de ferro ligará os municípios de Caetité a Ilhéus. A expectativa é que a Fiol 1 comece a operar em 2025, transportando mais de 18 milhões de toneladas de carga.

Foto: Lay Amorim / Achei Sudoeste

Em um primeiro momento, 16 locomotivas e 1,4 mil vagões estarão em operação, dos quais, pelo menos, 1,1 mil serão destinados ao escoamento de minério de ferro. Em 10 anos, em 2035, a expectativa é que volume de carga supere os 50 milhões de toneladas transportadas em 34 locomotivas e 2,6 mil vagões.

EDIÇÃO: TARCÍSIO ARCANJO