Guanambi possui mais celulares que moradores

0
45

É o que revela os dados da Anatel. Uma outra pesquisa aponta que o aparelho celular é o principal meio de acesso à internet.

GUANAMBI – O município localizado na região Sudoeste do estado da Bahia possui oficialmente 84 mil habitantes, de acordo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estática (IBGE), enquanto contém no total 85.309 telefones celulares ativos.

Esses são os dados da Agência Nacional de Telecomunicações (ANATEL), agência que regulamenta o mercado de telecomunicações no país. O uso do celular para acessar a internet cresceu no Brasil.

O fato foi apontado na pesquisa realizada pelo IBGE. A Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua – Tecnologia da Informação e Comunicação 2018, divulgada em abril de 2020 constatou que os aparelhos são o principal meio de acesso à rede no país, usados por quase todos os brasileiros.

Até o ano retrasado, três em cada quatro brasileiros tinham acesso à internet e, entre eles, o celular era o equipamento mais usado. Entre 2017 e 2018, o percentual de pessoas de 10 anos ou mais que acessaram a internet pelo celular passou de 97% para 98,1%. O aparelho é usado tanto na área rural, por 97,9% daqueles que acessam a internet, quanto nas cidades, por 98,1%.

Embora o número de celulares seja maior que o número de habitantes no município, Guanambi ainda não dispõem de boa qualidade de sinal telefônico em todos os pontos da cidade, sobretudo nos bairros mais periféricos. Outro problema é a dificuldade da recepção de sinal de banda larga em algumas localidades.

Por isso, a Anatel determinou que até 2024 todos os municípios brasileiros tenham sinal 4G. A implantação do sinal vai ocorrer de forma escalonada. 40% deles até dezembro de 2022, 70% deles até o fim de 2023 e 100% deles até o fim de 2024. Segundo a Anatel, para uma cidade ser considerada como coberta pela rede 4G é necessário que ela tenha pelo menos uma estação de rádio-base. Já no caso das rodovias a agência não exige que as operadoras instalem antenas próprias.

Em Guanambi, o sinal 4G da Vivo foi implantado no Distrito de Mutans, no ano de 2018. Já em Morrinhos, a operadora Claro, em parceria com o Governo do Estado deu prosseguimento com a implantação em diversos distritos da Bahia, segundo informações de João Roberto, assessor de comunicação da Prefeitura de Guanambi.

A instalação do equipamento potencializou o sinal, que antes era precário e intermitente. Aos poucos, o acesso à internet ficará normalizado, como também a estabilização do sinal.

Ainda de acordo com informações do assessor de comunicação da Prefeitura de Guanambi, em Ceraíma, a prefeitura também está com tratativas com o Governo do Estado e operadoras para implantação do sinal na localidade.

“Como é uma atribuição legal e única e exclusiva das operadoras e do Estado, a atual gestão se colocou a disposição para facilitar toda implantação dos sinais de celular em qualquer localidade, agilizando trâmites burocráticos, firmando parceria”, enfatizou João Roberto.

Apesar de nem todas cidades ainda serem equipadas com antena de recepção e distribuição do sinal 4G, a Anatel já estuda a implantação do sinal 5G no país. Algumas capitais já estão realizando ensaios técnicos para analisar o comportamento do novo sinal.

EDIÇÃO: TARCÍSIO ARCANJO